• Caop Saúde Pública

Edição nº 1020 - 14 de setembro de 2018

Edição nº 1020 - 14 de setembro de 2018

De como a Atenção Básica é capaz de mudar vidas

 

Quatro pessoas, em especial, marcaram a reunião de prestação de contas e encerramento do Programa SUSCOM+, em Capanema/PR, no último dia 11/8/2018. Destacaram-se porque são a prova de que a Atenção Básica, se bem gerida, comprometida com resultados e envolvimento da comunidade pode ser transformadora.

Esses quatro usuários, em algum momento de suas vidas, foram acometidos por transtornos mentais e, de certa forma, conforme seus próprios relatos, marginalizados. Esquecidos. Disso deram, voluntariamente, seu depoimento para todos os presentes na ocasião.

Num gesto corajoso, fizeram questão de expor as dificuldades que enfrentaram durante o período que ficaram desassistidos da atenção especializada em saúde mental que agora lhes é dispensada. Foram unânimes em ressaltar a transformação positiva em suas vidas, a reinserção no convívio social e a certeza de que poderão enfrentar os desafios vindouros.

Essa realidade mudou recentemente com a implantação, no município, do Centro de Atenção Psicossocial (CAPS I)1, revindicação popular que surgiu na primeira reunião comunitária do Programa SUSCOM+, do CAOP Saúde e da Promotoria de Justiça de Capanema, que ocorreu no final do mês de março deste ano.

Em aproximadamente seis meses, gestores públicos dos três níveis (União, Estado e Município), Ministério Público e a sociedade se mobilizaram para tornar concreta a criação do equipamento e qualificar o acesso a instrumentos de saúde mental para aqueles que deles necessitam.

Já há dois meses, a equipe multidisciplinar de saúde, formada por profissionais das áreas da psiquiatria, psicologia, biomedicina, educação física, música, artes e farmácia, acompanham e cuidam de mais de 30 pacientes, como as quatro pessoas mencionadas no início da matéria.

O Ministério Público se engrandece ao fazer parte desse processo democrático e comunitário na saúde pública.

________________________

1 Acesse a Portaria nº 2.667, de 24 de agosto de 2018, que habilitou o CAPS em Capanema.

 

Confira fotos da reunião (clique para ampliar):

 

 

Mesa de autoridades - da esquerda para direita: Cintia Ramos (Diretora da 8ª Regional de Saúde / SESA/PR), Silvio de Souza (Presidente do Conselho Municipal de Saúde de Capanema), Jonas Welter (Secretário Municipal de Saúde), Tiago Vacari (Promotor de Justiça de Capanema), Marico Belle (Prefeito-Muncipal de Capanema), Marco Antonio Teixeira (Procurador de Justiça - CAOP Saúde / MPPR), Airton Marcelo Bart (Poder Legislativo - Presidente da Câmara).

 

Reunião Comunitária

 

Reunião Comunitária - contou com a presença do Promotor de Justiça Edmundo Sidoli, de Santo Antônio do Sudoeste).

 

Tiago Vacari - Promotor de Justiça da Comarca de Capanema.

 

Equipe muldicisplinar que atua no novo CAPS.

 

CAPS - Cerimônia de inauguração.

 

CAPS - Cerimônia de inauguração.

 

Cerimônia de inauguração - da esquerda para direita: Milton Kaefer (vice-prefeito de Capanema), Tiago Vacari (Promotor de Justiça de Capanema), Cintia Ramos (Diretora da 8ª Regional de Saúde / SESA/PR), Jonas Welter (Secretário Municipal de Saúde) e Edmundo Sidoli (Promotor de Justiça de Santo Antônio do Sudoeste).

 

CAPS - População conhecendo a estrutura da unidade

 

Cerimônia de Inauguração - Caroline Chiamulera (Promotora de Justiça do CAOP Saúde)

 

 

 
Recomendar esta página via e-mail:
Captcha Image Carregar outra imagem