• Caop Saúde Pública

Correio da Saúde - Informe nº 531 - 02/06/2009

DEU CERTO.



O Correio da Saúde, na edição nº 514, informou que a Promotoria de Proteção à Saúde Pública da capital havia expedido Recomendação Administrativa ao Secretário Municipal de Saúde de Curitiba, no sentido de implementar a política de Atendimento e Internação Domiciliar, conforme a Lei Federal nº 10.214/02 e a Portaria MS nº 2.529/06.



Recorde-se que os cuidados à saúde em domicílio podem abreviar o tratamento ou lhe conferir maior qualidade, posto que o enfermo se encontra em ambiente familiar. Além do mais, há a potencial redução de custos em relação à internação do usuário em casa hospitalar.



A referida intervenção ministerial trouxe reflexos positivos, já que o Município de Curitiba, por conta da Recomendação feita, informou que irá implantar, de imediato (e não apenas no final de 2010 como previsto inicialmente) uma equipe de saúde no âmbito domiciliar, com priorização de vagas abertas no último concurso público realizado, composta por médico, enfermeiro e auxiliar de enfermagem, alocação de espaço físico, veículos e insumos materiais.



Clique aqui para reler o Correio da Saúde nº 514, e visualizar os normativos correlatos.
Recomendar esta página via e-mail:
Captcha Image Carregar outra imagem