• Caop Saúde Pública

Correio da Saúde - Informe nº 748 - 13/08/2012

Edição nº 748 | Curitiba, 13 de agosto de 2012

quanto custamos na saúde?

Em 2010, o gasto público com saúde foi de R$ 138 bilhões, sendo R$ 62 bilhões da União, R$ 37 bilhões dos estados e R$ 39 bilhões dos municípios. Já o gasto privado foi de R$ 153 bilhões, sendo R$ 73 bilhões de custos com planos de saúde, R$ 25 bilhões com gastos diretos e R$ 55 bilhões com medicamentos. Somando gasto público e privado, a saúde contou com um montante de R$ 291 bilhões. Isso significou um dispêndio público por brasileiro de R$ 1,98 por dia. Já o valor por usuário dos planos foi de R$ 1.560,00. Fazendo apenas essa comparação, entre gasto público e gasto dos planos de saúde, seriam necessários R$ 298 bilhões para equivalência. Ou seja, o Brasil precisaria de mais R$ 160 bilhões públicos. E vale lembrar que os planos de saúde não oferecem o que o SUS tem obrigação de oferecer.

(Revista RET-SUS, maio/2012, pág. 22).

iniciam as reuniões regionais do cao saúde

Está em marcha o projeto de interiorização funcional dos trabalhos do CAO, conforme decidido pelos Colegas no III módulo do curso de Direito à Saúde. No dia 27 de julho, em União da Vitória, os PJs das Comarcas de União da Vitória, São Mateus do Sul, Rebouças, Lapa, São João do Triunfo e Porto União-SC. Debateram a atuação ministerial no enfrentamento de problemas comuns em saúde na região, dentre eles a gestão de urgência e emergência, oferta de leitos especializados e de UTI e a qualificação da atenção básica nos municípios.

No dia anterior foi realizada inspeção ministerial, com os médicos integrantes da equipe técnica do CAOP, Margarete Solá Soares e William Ribas e Targa, no hospital psiquiátrico HJ Ltda, instituição privada contratada pelo SUS para prestação de serviços a usuários advindos de várias regiões do Paraná.

A segunda reunião de trabalho foi realizada em 2 de agosto na cidade de Campo Mourão. Estiveram presentes Promotores das Comarcas de Barbosa Ferraz, Campo Mourão, Engenheiro Beltrão, Mamborê, Campina da Lagoa, Iretama, Peabiru, Goioerê e Terra Boa para estabelecer formas de incrementar e uniformizar a atuação ministerial face a problemas relacionados à insuficiência de oferta de consultas, exames e procedimentos especializados aos usuários do SUS por parte do Consórcio Intermunicipal de Saúde de Campo Mourão (CISCOM-CAM), e também a ocorrência de cobranças indevidas.

O próximo encontro acontecerá no dia 11 de setembro, em Guaíra.

O CAO espera continuar contando com o interesse dos Colegas a fim de estender as reuniões de trabalho a todas as demais regiões do Estado.

MINISTÉRIO PÚBLICO DO ESTADO DO PARANÁ

Recomendar esta página via e-mail:
Captcha Image Carregar outra imagem